Oficina PIB 2015

Percussão na Sucata – Oficina com Loop B

Através da experimentação com os objetos e sucatas, a oficina leva os participantes a perceber que é possível tirar som de qualquer coisa, explorando intuitivamente a sonoridade que eles oferecem. No descobrir e inventar maneiras de tocar estes inusitados instrumentos, se revela o brincar fazendo arte, se revela que é possível aproveitar lixo para fazer música.

Os objetos se encontram espalhados pela sala, e os participantes são convidados e estimulados a explorar as possibilidades, a descobrir as sonoridades que os instrumentos oferecem. Isto vai sendo realizado de diferentes formas, através das propostas de Loop.

Objetos usados: tanque de combustível de Chevette, espadas de brinquedo, tanquinho de lavar roupa, pedaços de isopor, teclados de computador, e outros.

A medida que a oficina se desenvolve, Loop vai destacando as descobertas dos participantes e vão conversando sobre o processo.

A oficina acontece no dia 26 de abril, das 16h as 18h. no salão dos tanques da Casa das Caldeiras.

Público alvo: músicos, educadores, performers, artistas e público em geral.

Duração: 2 horas.

Inscrições para oficina no local na hora da oficina.

Currículo

O compositor, músico e produtor Loop B começou na percussão nos anos 70, e logo iniciou experiências com objetos sonoros. Em 80 viveu em Paris e de lá trouxe seu primeiro sintetizador. Passou por alguns grupos e em 91 iniciou carreira solo. Lançou 7 CDs. Compõe trilhas para dança, teatro e cinema silencioso. Geralmente dá oficinas de Percussão em Sucata e de Música Digital em unidades do SESC. Participou de festivais em Nova York: Experimental 4, ElectroMusic 2011 e Brasil Summer Fest; na Bélgica: Europalia; e no Brasil: Tribos Eletrônicas (Sesc SP), BHRIF (BH), Abril Pro-Rock (Recife) e Goiania Noise, entre outros.

Discografia: Penetráveis (2010) com Ricardo Severo; Farinha Digital (2008) com Pedro Osmar, patrocinado pela Petrobras; Quixotes do Amanhã (2006); A Música Toca (2003); De Onde (2000); Spray (1997); Midnight Mirage (1992).

Esta entrada foi publicada em PIB 2015, oficinas. Adicione o link permanenteaos seus favoritos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>